A Rede Definida por Serviço, com inteligência distribuída e sem o uso de controlador, oferece conectividade, desempenho e escalabilidade resilientes, com fácil provisionamento dos serviços.

O que é uma Rede Definida por Serviço?

A Rede Definida por Serviço permite a conexão segura de um usuário ou objeto a um aplicativo autorizado, automaticamente. A tecnologia Intelligent Fabric (iFab) automatiza a implantação da rede e simplifica as movimentações, adições e alterações, reduzindo o tempo e o esforço necessários para manter e operar uma rede.

Saiba como a Digital Age Networking pode levar seus negócios para a era digital

Baixe o white paper

Automação real da rede

A infraestrutura de TI evoluiu nos últimos 20 anos para onde está agora, totalmente automatizada. Embora leve apenas alguns minutos para implantar um novo aplicativo, o provisionamento de serviços na rede ainda pode levar dias ou mesmo semanas para ser configurado manualmente, elemento por elemento. Com as Redes Definidas por Serviço isso agora está mudando, e permite que os líderes de TI mudem seu foco para os negócios, em vez de construir e executar a infraestrutura como era necessário anteriormente.

Gerenciamento simplificado

Um Sistema de Gerenciamento de Rede (NMS) único fornece um nível adicional de integração entre redes com e sem fio. Isso significa que os gerentes de TI não precisam mais lidar com dois sistemas de gerenciamento e dois conjuntos de políticas e regras de configuração (uma para a LAN e outra para a WLAN). O NMS da ALE fornece gerenciamento unificado de serviços e visibilidade em toda a rede, para melhorar a eficiência de TI e a agilidade comercial.

Redes Definidas por Serviço nos diversos Setores de Negócios

Redes Definidas por Serviço para a área da saúde: a Rede Definida por Serviço permite a conexão segura de um usuário ou objeto aos aplicativos autorizados. Simplifica e protege a forma como a equipe, pacientes, visitantes, dispositivos e objetos, se conectam à rede de um hospital ou centro de saúde, enquanto fornece o nível de desempenho apropriado para indivíduos, grupos ou ativos.

Redes Definidas por Serviço para o setor hoteleiro: o acesso unificado da Rede Definida por Serviço e o gerenciamento unificado garantem interoperabilidade contínua entre usuários, dispositivos e serviços em toda a rede do hotel. O acesso aos aplicativos é restrito a indivíduos autorizados, com base em suas funções. Isso significa que eles têm diferentes níveis de acesso à rede, segurança e QoS. O uso de recursos de rede é monitorado para resolver proativamente quaisquer problemas potenciais.

Redes Definidas por Serviço para a área da educação: uma Rede Definida por Serviço simplifica a conectividade para uma ampla variedade de necessidades educacionais dos usuários, garantindo que os indivíduos tenham acesso somente a aplicativos e sistemas autorizados. Uma Rede Definida por Serviço pode estar instalada e funcionando em apenas alguns minutos, liberando tempo para que os profissionais de TI altamente qualificados trabalhem em novas iniciativas estratégicas.

Redes Definidas por Serviço para o setor de transportes: uma rede de dados para o setor de transportes deve ser altamente resiliente e suportar diversos tipos de aplicativos, objetos e usuários, com altos níveis de segurança. Com uma Rede Definida por Serviço a rede é simplificada, as tarefas são automatizadas e as equipes de TI podem oferecer um melhor nível de serviço e melhorar os SLAs, para oferecer uma experiência aprimorada ao viajante.

Redes Definidas por Serviço para o setor público: serviços públicos seguros e responsivos, sistemas de resposta a emergências e conectividade sem fio são importantes para melhorar as experiências dos cidadãos. As Redes Definidas por Serviço fornecem a arquitetura para automatizar o provisionamento de redes e dispositivos de IoT, melhorar o custo das operações, reduzir erros humanos e fornecer os serviços e aplicativos que os governos exigem e que os cidadãos esperam.

Leia nosso blog
Documentos
Você pode estar interessado também em...